sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

Colares ornados de mares...



Colares há aos montes:
Extravagantes, brilhantes,
Opacos ou transparentes,
Até os de neon reluzentes...

Mas "Colares" verdes
Como os mares das terras...
Distantes dos Mendes,
Só os ornados com os olhos verdes da Cida
Que de tão transparentes e límpidos...
Encantaram os olhos dissimulados
Do Carlos Mendes
Que ligeiro,
Apossou-se da tenda graciosa
D´onde alumiando...
Escondem-se!...

Montes Claros(MG),  22-01-2013

RELMendes

2 comentários:

  1. Obrigado Romildo - Deta pelas as lindas palavras!!! Amo vc meu poeta!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eis meu codinome poeta - Carolina Augusta!!! Bjo de cida colares!!!

      Excluir